HOTÉIS – Atraia mais reservas escolhendo as fotos certas para o seu site!

melhores-hoteis-spa-lua_de_mel

Os mercados de hotelaria e turismo sempre estiveram cientes do impacto direto que a qualidade das informações e imagens online de um hotel tem na conversão de compras e reservas. Descrições eficientes dos hotéis, uma certa quantidade de bons comentários e pontos de interesse nas proximidades, assim como imagens de alta qualidade, são itens que podem influenciar profundamente na decisão do cliente na hora de se efetuar a reserva. Um estudo recente encomendado pela Expedia revelou conclusões sobre as imagens de hotéis mais eficazes para converter visualizações de anúncios em reservas.

Vários tipos de imagens e características de imagem que evocam reações emocionais nos internautas, compradores em potencial, foram encontrados nos anúncios. A imagem predominante anunciada por hotéis é de um quarto com janela para compor um cenário que contemple a luz natural da acomodação. Outros ambientes, como a sala de estar, o terraço, o restaurante e pontos de vista atrativos dos hotéis também foram considerados atraentes quando havia perspectivas de algo interessante ou bonito. Fotografias feitas por lentes padrão foram consideradas mais confiáveis, enquanto as feitas com lentes ‘grande angular’ (olho de peixe distorcida) evocam uma emoção negativa e suspeita de que o hotel “escondia alguma coisa.” Neste trabalho, foram identificados outros atributos que chamam a atenção dos compradores, para o bem e para o mal, e estão detalhados a seguir.

Metodologia

Realizado em novembro de 2014, o estudo identificou o comportamento do internauta diante de anúncios de hotéis e a movimentação e fixação do olhar enquanto visualizava as imagens. O monitoramento das expressões faciais e dos olhos foi feito em tempo real por meio de eletromiografia (EMG), um exame que monitora o movimento dos músculos dos olhos e da face. Sempre que houve uma elevação no sinal do EMG indicando alteração de sensações negativas ou positivas, o indivíduo era consultado verbalmente sobre a reação à imagem. O estudo incentivou o participante a realizar compras de forma natural em qualquer website e a utilizar os métodos que mais o agradavam.

Descobertas

A categoria de imagens mais relevante encontrada nesse estudo foi a de quartos com uma vista para a parte externa. O hotel que mostra uma imagem de um quarto com vista da janela é mais desejável e contribui para um sentimento positivo em relação ao anúncio. Isso ajuda o cliente a visualizar-se no contexto da viagem. A imagem passa mais sensações de prazer do que a de um quarto sem esta vista, mesmo em ocasiões em que ambos possuem luz natural a iluminar o quarto e uma cena visual agradável.

Vista a partir do hotel

O quarto com vista pela janela é um benefício extra da acomodação, assim como a sala de estar, o terraço, o restaurante e outros vários espaços com vistas agradáveis e luz que também deixam os compradores mais alegres e aptos a escolher aquele hotel.

Sentimentos positivos foram detectados no cliente ao ver algo interessante ou bonito do lado de fora da janela, como uma praia, as luzes da cidade, ou algum famoso monumento. O prazer representado na cena é transferido ao hotel e aumenta o sentimento positivo, mesmo que a cena seja comum para a área e não exclusividade do hotel.

Características únicas e atraentes

Se um hotel possui características únicas, desperta mais facilmente a atenção e o interesse no cliente. Assim, as imagens desses recursos devem ser exibidas com destaque, de modo que o cliente seja atraído para o hotel já no início da sua busca.

Perspectiva, equilíbrio e distorção nas imagens

Imagens de quartos que parecem naturais foram consideradas importantes para os compradores. Elas trazem um sentimento de confiança, pois fazem o papel de representações autênticas e realistas do hotel. Distorcer as imagens com as fotos tiradas com lente grande angular gera suspeita do cliente e os leva a pensar que o hotel está “escondendo alguma coisa.” A partir desta constatação, as imagens dos quartos não devem tentar mostrar muito em uma só imagem. Um participante explicou: “você precisa ter duas fotos da sala, uma em direção à janela e outra no sentido oposto, de modo que se possa ver todo o ambiente”.

Imagens em close-up promovem uma sensação de intimidade que faz com que o hotel pareça mais pessoal, e ajuda o cliente a “se imaginar lá mais facilmente.” No entanto, também deve haver imagens que mostrem perspectiva para que os clientes possam ver o que está ao redor do recurso, e dissipar qualquer suspeita de que a verdade não está sendo mostrada. Se a foto é artística demais, os clientes podem não ser capazes descobrir com facilidade o que eles estão olhando, ou são distraídos pelos atributos do hotel sobre essa perspectiva ímpar. O equilíbrio de várias perspectivas parece ser o elemento-chave nas imagens para se comunicar uma identidade visual agradável do hotel com sucesso.

Qualidade e conteúdo exibidos nas imagens

As características e qualidades nas fotografias com maior impacto sobre os consumidores foram organização e design clean, luz e vista, espaço, e esquema de cores suaves e agradáveis como o branco.

As características negativas das fotografias foram quartos bagunçados, cores berrantes, ângulos estranhos ou distorções da lente da câmera e falta de imagens de outros cômodos ou da estrutura da acomodação: mais frequentemente em falta eram banheiros, armários e, por vezes, vistas das janelas. Além disso, conforme a idade média do viajante aumenta, há uma maior importância em ilustrar melhor o conforto do quarto e do banheiro.

Para esses clientes, as fotografias que raramente causaram impacto foram as de restaurantes (a menos que houvesse vista panorâmica), fotos de fora do edifício, atrações locais ou pontos de referência que não são visíveis a partir do hotel, recepção e hall de entrada. E, se o perfil do viajante for executivo ou para eventos e não lazer, salas de reuniões, banquetes e salões têm pouco impacto. Embora pareça razoável de que muitas dessas imagens devam ser incluídas para completar uma boa impressão do hotel, estes resultados sugerem que essas sejam imagens extras e não as imagens primárias que o hotel apresenta, a menos que contenham algum recurso único e atraente.

Resumindo, com a finalidade de maximizar oportunidades de conversão, os hoteleiros devem seguir as seguintes dicas ao disponibilizar a biblioteca de imagens nos anúncios:

– Priorizar imagens de quartos com vistas panorâmicas

– Incluir imagens de espaços secundários (ou seja, terraço, restaurante), com vistas atraentes

– Certificar-se de que as imagens são bem iluminadas, usando luz natural sempre que possível

– Apresentar quaisquer características únicas / atributos do hotel

– Certificar-se de que os quartos e espaços fotografados estejam impecáveis; sempre evitar desordem e bagunça

– Lembrar-se de incluir fotos de banheiros e closets

– Evitar distorções técnicas e fotografias utilizando lente grande angular

– Incluir fotos em close e também com perspectiva mais aberta

Fonte: www.spemvoga.com.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *